Porque você quer ter seu NAT aberto!

Calma, gente, não se trata de trocadilho.

Acontece que pra usufruir de todas as funcionalidades da rede online do videogame é preciso conferir a configuração do seu NAT (Network Address Translation). Esse sistema é utilizado por roteadores para compartilhar entre diversos dispositivos uma mesma conexão de Internet, então dificilmente seu Xbox não está sujeito a ele.

“Tá. Mas e na prática, Malki, como isso me afeta?”

É simples: são três configurações possíveis de NAT. Quanto mais restrito o tráfego de dados, mais limitada fica sua conexão. Você pode ter o NAT Restrito, Moderado ou Aberto (Strict, Moderate ou Open). Para não experimentar restrições nas funcionalidades da rede, o melhor é ter o NAT Aberto. O motivo é simples: tendo o NAT Aberto, você poderá se conectar à jogadores com qualquer tipo de configuração NAT. Já se você tiver o NAT Moderado, só poderá se conectar com quem tem NAT Aberto ou Moderado. Agora se seu NAT é Restrito, só vai poder se conectar com quem tem NAT Aberto. Imagina então essa limitação toda na hora de procurar partidas online! O mesmo vale para uma simples conversa com amigos numa party ou chat direto…

Não tá conseguindo conversar com amigos online ou demora uma eternidade para encontrar partidas de Multiplayer? Muito provavelmente seu NAT não está aberto. Primeiro precisamos ter certeza disso, então bora conferir:

No Xbox 360: Vá para Configurações de Rede e escolha a opção para testar sua conexão. Se aparecer uma exclamação amarela após o teste, seu NAT está em modo Restrito ou Moderado.

No Xbox One: Entre no menu de configurações e escolha a aba Rede. Na tela Configuração de Rede, embaixo de Status da rede atual, vai aparecer escrito qual sua configuração de NAT. Se estiver como Moderado ou Restrito, você provavelmente está enfrentando limitações na sua experiência online.

Então, como abrir seu NAT?

O procedimento não é lá muito simples, mas consiste basicamente em realizar algumas configurações no seu roteador. O que faremos é abrir algumas “portas” de conexão com a Internet para que nelas o tráfego de dados seja livre. Xbox 360 e Xbox One usam quase as mesmas “portas”, então no procedimento a seguir vou listar todas necessárias para que ambos os consoles funcionem com o NAT Aberto.

O primeiro passo é atribuir ao videogame um IP fixo. Geralmente os tutoriais indicam pra que se altere as configurações de rede do console para o modo manual, mas isso costuma causar alguns conflitos. Uma boa alternativa é reservar um IP para seu Xbox através do próprio roteador, o que evita uma série de problemas. Pra isso, acesse seu roteador pelo navegador e entre nas configurações de DHCP (cada roteador funciona de um jeito, então dê uma conferida no manual como acessar essa configuração ou faça uma pesquisa rápida no Google com o modelo do seu aparelho). Agora escolha a opção Address Reservation (Reserva de Endereço). Você vai precisar entrar com o MAC Address do seu console e o IP que deseja reservar para ele. Esse IP tem que estar dentro do intervalo disponibilizado pelo roteador. Pra conferir isso, é só olhar na tela principal das configurações do DHCP. Já pra descobrir o MAC Address do seu videogame, confira:

No Xbox 360: Vá para Configurações de Sistema e depois em Configurações de Rede. Escolha a rede em que você está conectado e entre em Configurar Rede. Vá para Configurações Adicionais e entre em Configurações Avançadas. Nessa tela vai aparecer o código do MAC Address.

No Xbox One: Entre em Configurações e escolha o quadradinho Rede. Entre em Configurações Avançadas. No lado direito da tela aparece uma lista com os dados de conexão, entre eles o código do MAC Address. Note que o código muda dependendo do tipo de conexão (cabo ou wireless). Anote o código da conexão que você estiver usando.

Inseriu os dados na tela de Address Reservation do seu roteador? Hora de abrir as “portas” para o videogame. Você vai fazer isso no menu de Forwarding (cada roteador tem seu layout de menus, então confira no manual qual a opção do seu roteador ou faça uma busca rápida no Google). Eu uso um roteador TP-Link, por exemplo, então libero as “portas” através da opção Virtual Servers. Nesse menu é preciso inserir o número da porta a ser liberada, o endereço de IP para o qual ela será liberada e o modo de atuação da porta (TCP ou UDP). Você vai ter de fazer uma inserção para cada porta a ser liberada, sempre usando o IP que você reservou para seu videogame. Abaixo uma lista com as portas usados por cada console:

Xbox 360: 

  • Porta 88 (UDP)
  • Porta 3074 (UDP e TCP)
  • Porta 53 (UDP e TCP)
  • Porta 80 (TCP)
  • Porta 1863 (UDP e TCP)

Xbox One:

  • Porta 88 (UDP)
  • Porta 3074 (UDP e TCP)
  • Porta 53 (UDP e TCP)
  • Porta 80 (TCP)
  • Porta 500 (UDP)
  • Porta 3544 (UDP)
  • Porta 4500 (UDP)

Depois de terminar as inserções, lembre de reiniciar seu roteador e o videogame. Faça de novo o teste para conferir o tipo de NAT no videogame. Se tiver feito tudo corretamente, o mesmo vai aparecer como aberto (no caso do Xbox 360, a exclamação que aparecia após o teste de conexão vai sumir).

Pronto. Com o NAT aberto sua experiência online vai ser muito melhor!

Deixe uma resposta aqui

Você pode utilizar essas tags HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>